Giannis discorda da gestão física de Leonard!

Numa fase regular com 82 jogos em menos de 6 meses, a gestão de esforço é um tópico central de debate na NBA. Por um lado, as empresas televisivas querem sempre que as estrelas das equipas alinhem todos os jogos, porque são elas que geram mais receitas. Por outro, o número de jogos e o curto espaçamento entre os mesmos exige da parte dos atletas uma gestão cuidada, para evitar lesões.

Esta semana o debate subiu de tom devido à ausência de Kawhi Leonard do jogo que opôs os Los Angeles Clippers aos Milwaukee Bucks. Sendo um jogo entre dois candidatos ao título, era de todo o interesse para os fãs, quer os que se deslocam ao pavilhão, quer os que assistem ao jogo em casa, a presença do MVP das últimas finais em quadra. No entanto, Kawhi, ao que tudo indicava clinicamente apto, não disputou o encontro.

Em declarações à ESPN antes da partida, Giannis Antetokounmpo, estrela dos Bucks, abordou a política de gestão física de Kawhi, afirmando que nunca seria capaz de o fazer:

I’m not trying to be disrespectful with anybody or hurt anybody’s feelings, but I know he [Kawhi] is really a tough competitor, I know he definitely wants to play the game. I don’t know who tells him not to play or who tells him to take a break, but for me, nobody is going to tell you to take a break in a time when the NBA gives you 22, 21 days off throughout the season.

Mesmo demonstrando um grande respeito pelo seu colega de profissão, Giannis deixa bem claro que não se revê nesse tipo de práticas.

No seguimento destas declarações, Mike Bass, porta-voz da NBA, clarificou que Leonard não estava apto a jogar, devido a uma lesão no joelho, segundo o injury report dos Clippers.

Deixe uma resposta