Thompson e o grito de Steve Kerr

Há poucos dias, Steve Kerr, disse à NBC o quanto Klay Thompson é sensível aos gritos durante os descontos de tempo, e que ele mudou um pouco o estilo com ele.

“Quando saiu do meu primeiro “ligeiro” abanão durante um desconto de tempo, fez de seguida alguns erros. Eu mudei a minha atitude um pouco, ele não precisa que gritem com ele.”

Este facto fez Klay Thompson, recordar que não teve uma estreia feliz com Kerr. Depois de um jogo dos Bulls na década de 90, Mychal Thompson, pai do jogador, levou-o para os bastidores onde esteve com Jordan e Pippen.

No entanto, quando se aproximou de Kerr a pedir um autógrafo, Kerr teve um comentário mais alto ao dizer que tinha sítios mais importantes para estar. Não podia ser incomodado, para ir ter com os outros elementos.

Deixe uma resposta