Resumo da Jornada 18 da LPB

A jornada 18 da Liga Placard teve todos os seus jogos no Sábado, dia 2 de Fevereiro, onde o Sporting ficou com a liderança isolada, após vencer o Benfica. Os restantes três seguintes na classificação, Porto, Oliveirense, Vitória venceram os seus encontros.

CAB Madeira 82-72 Galitos

O CAB conseguiu vencer em casa, após ter iniciado na frente, conseguiu controlar sempre a vantagem, onde teve 59% de lançamentos de 2 pontos. Apenas permitiu uma aproximação no marcador nos últimos minutos. O recente reforço do CAB Justin Alston esteve em bom plano com 27pts, 8rs, 4ast e 2 dl, bem apoiado por Bakari Coleman (21pts, 5res) e George Beamon (11pts, 8res, 3ast, 3rb, 2 dl). No Galitos, Austin Tilghman (17pts, 8res, 4 ast) e Daniel Machado (14pts e 7res) foram os melhores.

Sporting 81–75 Benfica

O Sporting a jogar perante o forte apoio do seu público, não começou da melhor maneira, tendo ido para o intervalo a perder por 37-43. A defesa do Sporting não estava a conseguir uma oposição efetiva e permitiu algum domínio do Benfica nas tabelas. Mas no terceiro período, Luís Magalhães, treinador do mês de Dezembro, preparou a equipa para uma entrada forte. Tiveram um parcial de 10-0, e venceram o terceiro período por 27-19. Um inspirado Travante Williams foi crucial para não permitir uma aproximação do Benfica. Travante terminou com 28 pts, 7res, 5rb e Adbul Abu ajudou com 11pts e 10res. Nos encarnados, Arnette Halmann 10pts, 5res e Anthony Ireland 8pts, 9ast, 2rb destacaram-se.

Terceira Basket 79–111 Ovarense

Depois de na passada jornada o treinador dos açorianos Luis Abreu ter ficado a apenas 2 pontos da primeira vitória na sua estreia, neste jogo a histórica Ovarense esteve sempre a comandar o encontro. A Ovarense tem vindo a recuperar na tabela, já se encontra fora da despromoção direta. Christopher Davenport (19pts, 5res, 1dl) e Immanuel King (18pts, 6res, 3ast) lideraram na Ovarense, no Terceira Theon Reefer (24pts, 3res, 2rb) e Andre Yates (20pts, 2ast).

Barreirense 72–73 Vitória

Jogo muito equilibrado com a vitória a cair para a equipa de Guimarães. Chegado o marcador em 55-54 no início do quarto período, o Vitória criou alguns pontos de vantage com Marqueze Midgette-Coleman a chamar a si responsabilidade e marcou os últimos 7 pontos da sua equipa no encontro. O jogador teve 23pts, 12 res, 4rb, 3ast, secundado por Marko Loncovic (12pts 10res, 4ast). No Barreirense, Khaleal Cormick (23pts, 11res, 2rb) e Kendall Jacks (19pts, 7res, 2ast, 2dl) foram os melhores.

Illiabum 93-60 Maia

O Illiabum teve uma vitória expressiva, frente a um Maia que nunca conseguiu incomodar. Muito contribuiu as percentagens de lançamento do Illiabum, 55%L2 e 46%L3 e superioridade nos resaltos. Anthony Livingston (21pts, 8res, 2rb, 2dl) e Rozelle Nix (14pts, 12res) foram os melhores no Illiabum e Frederick Sims (14pts), Kurt James (13pts, 2res) no Maia.

Porto 85–64 Lusitânia

O Porto regressou às vitórias frente ao Lusitânia, onde a distância criada no segundo período não mais foi perturbada. Depois da vitória frente à Oliveirense, o Lusitânia não mostrou argumentos para nova surpresa. Sasa Borovnjak (20pts, 10res) e Preston Purifoy (12pts, 3res, 3rb) comandaram no Porto e Dwayne Foreman (10pts, 7res) e Shaquille Thomas (16pts, 7res, 1dl) no Lusitânia.

Oliveirense 88–82 Esgueira A Bi-Campeã Oliveirense teve de recuperar da desvantagem no último período para levar de vencido o Esgueira. Com um parcial de 13-0 no final conseguiu passar para a frente, com John Fields e Corey Sanders 8pts, João Barbosa 7pts a serem os melhores marcadores neste último período. John Fields (28pts, 14pts, 2dl) e Corey Sanders (15pts, 4res, 4ast) nos destaques da Oliveirense. No Esgueira, Deangelo Stewart (24pts, 5res, 2rb ) e Montell Goodwin 19pts, 3res, 4ast, 2rb).

Deixe uma resposta