O caricato contrato entre Rose e a Adidas

Derrick Rose, experiente base dos Detroit Pistons, foi durante alguns anos uma das maiores figuras que a liga já viu jogar.

Selecionado em 2008 pelos Chicago Bulls, jogou cerca de 8 épocas pela equipa do Illinois. Pelo caminho, fica para a história a conquista do prémio MVP na temporada 2010/2011, levando os Bulls às finais de conferência, na altura contra os Heat de LeBron, que acabariam por vencer a série e chegar às finais contra os Mavs.

Por entre este caminho de glória, Rose viu a sua carreira em perigo quando fez uma rotura do seu LCA em 2012. Operação e recuperação longa pelo caminho.

Quando regressou, voltou a ter a mesma lesão, voltando a ser sujeito a intervenção cirúrgica. Começou um calvário de lesões que começaram a perseguir Rose , que desde essa altura sempre manteve uma enorme dificuldade em manter se saudável e em boa forma. Por agora, vai-se apresentando a um nível bom em Detroit, numa equipa sem grandes objetivos.

Acontece que, na altura em que Rose estava na ribalta e era uma verdadeira superstar, assinou um contrato de 14 anos de patrocínio de tênis de jogo com a Adidas, marca alemã.

Neste contrato celebrado, para além do montante chorudo que ficou acordado para aquele período referido anteriormente, que foi de cerca de 13 milhões de dólares por época, ficaram estipuladas algumas cláusulas contratuais no mínimo curiosas.

Ora vejamos:

  • Rose recebe ainda royalties de 6,25M/$ ano
  • Tem direito a um jato privado
  • O irmão de Rose recebe da marca 300k $ para ser assistente de Rose
  • O seu melhor amigo também recebe cerca de 75k $ ano
  • 200.000$ são doados a uma universidade à escolha de Rose, em cada ano civil


Aproveita o nosso bónus de 10€ GRÁTIS SEM DEPÓSITO para Apostas Desportivas ou para jogares no Casino da “ESConline!” Regista-te no Banner!

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é renderimage.aspx



João Pinto

Licenciado em Direito- Universidade Católica Portuguesa; Apaixonado pelo desporto e pela melhor liga do mundo; Fã dos Boston Celtics desde 2009, desde que um certo trio andou por lá a provocar estragos

Deixe uma resposta