Buyouts como dos Nets e Lakers deveriam ser regulamentados?

Os Los Angeles Lakers e os Brooklyn Nets foram vencedores do prazo de transferências. Ao conseguir Andre Drummond, LaMarcus Aldridge e Blake Griffin, respectivamente, por pouco valor, fortaleceram as equipas. Mostraram os limites de um sistema que incomoda os mercados menores.

Parece ser a norma em qualquer sistema económico atualmente. Os ricos estão cada vez mais ricos. E os mais pobres devem redobrar os esforços, ter sorte e/ou estar perto da perfeição para melhorar a condição. Como em tantas outras áreas, na NBA a meritocracia pode ser uma grande ilusão.

A questão é que está cada vez mais difícil para as equipas de mercados menores competir com os maiores.

Este prazo de trocas da NBA acaba de dar mais uma prova. Todos os anos, as equipas tentam livrar-se, por meio de uma troca, de um veterano bem pago que não querem mais. E quando eles não conseguem encontrar um acordo com outra equipa, compram de volta o contrato.

O jogador aceita uma redução (geralmente ligeira) da remuneração, a equipa paga-lhe o resto do contrato e dispensa. Ele está, assim, livre para assinar o salário mínimo de veterano, além do dinheiro recebido do grande contrato comprado. Pode optar por assinar por qualquer outra equipa.

E neste jogo, muitas vezes são as grandes equipas que beneficiam com isto. Estes jogadores preferem juntar-se a um candidato ao título, com um custo baixo para essas equipas.

“Os jogadores que entram no mercado de buyout olham apenas para as equipas que disputam o título”, garante um GM de um pequeno mercado ao SI.

“E na maioria das vezes, historicamente, a preferência deles tem sido ir para as equipas nos mercados maiores. E isso dá a possibilidade a essas equipas de juntar jogadores com contratos mínimos que normalmente não teriam.”

Por exemplo, Andre Drummond, chega aos Los Angeles Lakers por menos de 800 mil dólares, por um jogador que recebeu mais de 28 milhões.

No dia anterior, LaMarcus Aldridge assinou com os Brooklyn Nets. Graças à sua compra, os Nets pagam apenas 878 mil pelo restante da temporada. E isto depois de fazer algo semelhante com Blake Griffin.

Nenhuma equipa estaria disposta a pagar as somas originais por estes dois jogadores. Mas qualquer uma adoraria ter pelos valores que custou aos Nets e Lakers.

Obviamente, isto irrita a concorrência:

“Acabámos de ajudar os ricos a ficarem mais ricos”, reclama outro executivo, que continua, “Isto cria uma vantagem competitiva a favor dos grandes mercados, os que atraem. E essa é mais uma desigualdade para pequenos mercados. “

Enquanto os Los Angeles Lakers e os Brooklyn Nets reforçaram as equipas de graça, as outras equipas abdicaram de bens para melhorar o plantel. Os Nuggets com Aaron Gordon, os Heat com Oladipo, ou mesmo os Sixers com George Hill, todas essas equipas tiveram de abrir mão de jogadores e escolhas de draft.

“O sistema é tendencioso. Não deveria ser possível de adicionar tanta profundidade à equipa sem abrir mão de nada”, diz outro GM.

No final das contas, os buyouts são uma segunda free agency. E que equivale a menos em termos de salários. Em nenhum momento os Nets e os Lakers tiveram de pensar numa troca.

No entanto, as equipas mais pequenas não tiveram escolha. Porque essa é outra preocupação. Os pequenos mercados são forçados a dar contratos por vezes exagerados para manter os grandes jogadores. Normalmente os resultados não surgem, o jogador acaba por querer ir para uma equipa melhor, mas ninguém está pronto para colocar um valor equivalente ao contrato. Só que é impossível para eles manter um jogador que quer sair. Estes pequenos mercados são quase obrigados a fazer um buyout.

“Se não fizer esse favor a eles, o agente dirá ‘Não vou mais trazer os meus jogadores para vocês’. “

Uma situação que torna a igualdade e a competitividade muito complicadas. 

Se os GMs e as equipas esperam que este ponto seja abordado no próximo acordo coletivo, não deverão ficar otimistas.

A NBA é um espetáculo e um negócio. Algumas equipas, cheias de estrelas, como os Nets e os Lakers são muito mais lucrativos para a liga como um todo do que uma distribuição equilibrada de estrelas em todos os mercados. Poderá o sistema ser mudado?

Regista-te no Banner e ganha uma Aposta Grátis no Valor de 5€!

Faz o teu registo, de seguida dirige-te ao “Chat” na página do “Casino Portugal” e menciona o código NBAPORTUGAL. O assistente do chat irá associa-lo à nossa parceria.

  –  Os 5€ serão creditados na conta do jogador num prazo de 24h!

A aposta deve ter 3 eventos (aposta Múltipla) com odd mínima de 1.30 cada evento.

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é IMG-20210120-WA0020.jpg

Deixe uma resposta