Atlanta assiste a jogo com mais pontos desde 1983

É sabido que cada vez há mais jogos com as equipas a marcarem muitos pontos, e que a era da NBA em que as defesas eram duras e prevaleciam já é coisa do passado. Mas o que ninguém estava à espera era do que aconteceu em Atlanta.

Com a vitória dos Bulls frente aos Atlanta Hawks por 168-161, fez-se história na NBA moderna.

Desde 2016/2017 que não havia um jogo com 4 prolongamentos, e desde 1983 que não havia um jogo com tantos pontos, decorria a época 1983/1984, quando os Detroit Pistons venceram os Denver Nuggets em Denver por 186-184, naquele que foi o jogo com mais pontos de sempre na liga, 370 ao todo, com 3 prolongamentos.

O jogo de hoje, com 329 pontos, é que tem mais pontos desde essa data, e o 4° com mais pontos de sempre.

Apesar de ser um jogo entre equipas com fraco registo na conferência Este, foi um dos melhores jogos que há memória, com grande equilíbrio e incerteza na hora das decisões.

Vários recordes pessoais foram batidos nesse jogo, com Trae Young muito perto do triplo-duplo, com 49 pontos, máximo de carreira e de um rookie este ano, 16 assistências, a apenas uma do seu máximo de carreira com 17, que também é o máximo de qualquer rookie esta época, para além de 8 ressaltos.

Pelos Bulls, Zach LaVine, também teve máximos de carreira, com 47 pontos, o anterior melhor registo era 42, e 56 minutos, o anterior era 49, para além de também ter estado perto do triplo-duplo, com 9 assistências e 9 ressaltos. Lauri Markkanen, o outro destaque dos Bulls, também teve máximo de minutos de carreira com 54 minutos de jogo, mas não conseguiu melhorar o seu máximo de ressaltos num jogo, que são 19, ficando-se por também incríveis 17 ressaltos, juntando a isso 31 pontos, a 4 pontos de igualar o seu recorde pessoal.

Este jogo foi um dos mais fantásticos desta época, um dos jogos que fazem a NBA ser, com toda a certeza, a Liga desportiva mais extraordinária do Mundo.

Alguns dos melhores momentos deste inacreditável jogo

Pedro Ribeiro

Formado em Ciências da Comunicação, trabalhou como Jornalista e Assessor de Comunicação. Fã da NBA, participou em vários projetos sobre esta liga. Fundador do site www.nbaportugal.com https://twitter.com/pedrofmribeiro

Deixe uma resposta