Wembanyama ou Holmgren, qual o mais promissor

Desde o início da temporada, Victor Wembanyama e Chet Holmgren não param de ser comparados. Não surpreendentemente, o seu talento, o início de temporada e o perfil são novos e intrigantes.
Em podcast, Gilbert Arenas falou se preferiria estar na situação do francês ou do norte-americano.

Para ele, Victor Wembanyama tem um início de temporada que parece mais promissor para o futuro, com a idade que tem.

“É necessário olhar para a situação. Um tem 19 anos, outro tem 21. O que posso dizer é que um não estava na NBA para marcar 19 pontos. Agora, aos 21 anos, vemos o que Chet vale. Mas o que Wemby vai valer quando fizer 21 anos? Classificamos Victor Wembanyama contra um jogador mais velho. Mas na mesma idade, quando Wemby completar 21 anos, quem será? Fará 17 pontos e 10 ressaltos? Ou será 25 ou 26 e 12?

Não haverá comparação. Nem sequer estarão no mesmo planeta. Porque, aos 19 anos, eles já não estão no mesmo planeta. Um estava na faculdade, outro está na NBA. Eles não estão no mesmo planeta agora. Nós os comparamos só porque os dois são rookies.

As pessoas não entendem a importância da idade quando avaliam talentos. Michael Carter-Williams ganhou o rookie do ano. Eles trocaram-no, queriam jogadores mais jovens. Ele tinha 21 anos quando chegou, era o rookie do ano, mas foi comparado aos jogadores que foram escolhidos aos 18 anos. Ele era melhor que a sua classe de rookies, mas não melhor que jogadores de 21 anos.

Chet, vamos compará-lo com jogadores de 21 anos. Alguns já são All-Stars ou All-NBA. Tens 21 anos, os colegas não são rookies, são jogadores de 21 anos como Paolo Banchero, Anthony Edwards, Scottie Barnes, LaMelo Ball, é a sua faixa etária, All-Stars, jogadores All-NBA. É com eles que Chet compete, não com Wemby.”

Um ponto de vista interessante e bastante justo. Mas parcial. É difícil considerar o desenvolvimento como algo linear, mesmo que as extrapolações ainda sejam possíveis para jogadores tão jovens. Também é difícil comparar um jogador que teve outra escolha do que fazer um ano de faculdade, lesionado numa temporada completa, para um jogador que foi capaz de chegar à NBA tão jovem.

Assiste a todos os jogos da NBA e da Liga Portuguesa de Basquetebol! Regista-te na Betclic com o promocode NBAPTBETS e ainda ganhas uma Aposta Sem Risco até 50€!

Regista-te AQUI com o promocode NBAPTBETS e assiste a todos os jogos!

Além disso, os contextos e as equipas são radicalmente diferentes. O francês está no centro de todas as atenções num plantel claramente abaixo dos Thunder. Em OKC, Chet Holmgren pode crescer tranquilamente à medida que a SGA atrai toda a atenção. Mas pela mesma razão, não é a primeira opção.

Resumindo, o debate claramente não é simples, mas Gilbert Arenas tem o mérito de trazer um elemento de reflexão.

Mas no final, temos a sorte de ver o início de dois fenómenos como eles.

Deixe um comentário