Tatum perdeu 25 milhões devido ao sistema de votação

As equipas de All-NBA foram divulgadas na noite passada e Jayson Tatum não está lá. No entanto, o jovem jogador dos Boston Celtics, excelente nesta temporada, terminou com mais votos do que Kyrie Irving (69 a 61). Mas isso não foi o suficiente. Porque o sistema é feito de tal forma que cada equipa basicamente é formada por dois bases, dois extremos e um poste.

Os votantes classificaram Paul George como extremo e foi ele quem ficou com o lugar de Tatum. Ainda que com menos votos, Irving recuperou o lugar na terceira equipa dado que era o base a seguir com melhor votação. Raciocínio um pouco obsoleto na NBA atual. As posições não são mais definidas de forma rígida. Da mesma forma, Joel Embiid, segundo na corrida a MVP, com mais votos que alguns da primeira equipa, mas passou para a segunda, pois já existe outro poste, Nikola Jokic.

Neste caso tem uma consequência direta para Jayson Tatum. Ele poderia ter reivindicado uma extensão para o super max, assinou por 185 milhões ao longo de cinco anos na última offseason, se tivesse sido nomeado numa das três equipas. E isto representaria um aumento de 25 milhões de dólares…

Deixe uma resposta