Rockets recebem Raptors em duelo de gigantes

Esta noite os Houston Rockets recebem no Toyota Center os Toronto Raptors, num jogo que promete ser um grande espetáculo.

Para começar, há uma grande expectativa em torno de James Harden, o barbas está com média de 36 pontos por jogo, e parece que não vai ficar por aqui, naquele que em princípio vai ser o último jogo dos Rockets antes do regresso de Chris Paul.

Mas do outro lado estão os Toronto Raptors, das melhores equipas da NBA, com grande plantel e muito equilibrados entre defesa e ataque, com alguns dos melhores jogadores defensivos da liga, como Kawhi Leonard, embora não seja certa a presença do “The Claw” no jogo.

A equipa de Mike D’Antoni está em 5° na competitiva conferência Oeste, com registo de 27-20, carregados pelo inevitável James Harden, que está numa sequência de 21 jogos com 30 ou mais pontos, só inferior à de Wilt Chamberlain, que teve 65, 31 e 25, as 2 últimas sequências ao alcance do barbas. Harden foi confirmado no 5 inicial do all-star game, e está super motivado após ter marcado 61 pontos no Madison Square Garden, recorde como visitante partilhado com Kobe Bryant, procurando colmatar as ausências de Chris Paul e Clint Capela para ajudar os Rockets a continuar a subir posições na conferência Este.

Os Toronto Raptors, após uma derrota com os rivais de conferência Indiana Pacers no último jogo, procuram voltar às vitórias, para isso precisarão muito do regresso do ausente dos últimos 4 jogos, Kawhi Leonard, e da continuação da boa forma do seu poste Serge Ibaka, que não terá rival à altura nas tabelas, já que Clint Capela está lesionado. Outro factor determinante poderá ser Kyle Lowry, que ainda não voltou à sua melhor forma, depois de um grande começo de época. Os Raptors são 2°s da sua conferência, com registo de 36-14.

Pelo facto de os Rockets estarem sem 2 peças fundamentais, como Chris Paul e Clint Capela, atribuimos ligeiro favoritismo aos Raptors, apesar de não ser garantida a presença de Kawhi Leonard, isto aliado ao facto de os Rockets dependeram demasiado de um jogador, que tem jogado em média quase 40 minutos por jogo desde a lesão de Chris Paul.

De referir ainda que nas duas últimas visitas dos Raptors ao Toyota Center, os Raptors terem ganho.

Highlights do último jogo entre as 2 equipas

Márcio Dias

Natural e residente do Porto Licenciado em Línguas, literaturas e culturas na FLUP Fã de múscia, cinema e literatura, apaixonado por desporto e em particular por basquetebol

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *