O dia em que T-Mac incendiou o Toyota Center

Tracy McCgrady, extremo que passou pela NBA entre 1997 e 2012, celebra hoje o seu 41º aniversário.

Com passagens por inúmeras equipas, T-Mac foi introduzido na liga por via dos Raptors, que o selecionaram no Draft de 1997. Em 2000, mudou-se para Orlando, para representar os Magic, onde teve os melhores registos da sua carreira, com média de 28 PPG e onde ascendeu como rising star.

Em 2004 muda-se para Houston, e apesar de os seus números terem baixado um pouco, foi nos texanos que Tracy deixou verdeiramente a sua marca, pela maneira tão elegante como driblava os adversários e marcava pontos atrás de pontos, sendo um verdadeiro lider. A camisola nº 1 nunca mais será esquecida pelos amantes de Houston e por qualquer adepto do desporto em geral.

Os problemas de lesões complicaram e de alguma forma colocaram um teto na ascenção deste jogador, que para muitos se assemelha ao estilo de Jordan e Kobe, pelas caraterísticas particulares do seu jogo. Para além de ser dotado de uma capacidade técnica acima da média, Tracy era bastante atlético e era sobretudo um “scorer” nato, que qualquer que fosse a altura, os colegas sabiam que era a ele a quem deveriam dar a bola nos derradeiros momentos.

Infelizmente estes problemas físicos levaram a que, após 2009, o jogador se arrastasse por equipas como os Knicks, Pistons ,Hawks e Spurs, sem ter a oportunidade de acabar a sua carreira com o brilho que deveria, porque o corpo já não permitia.

Para assinalar o aniversário da antiga superstar, que tantas horas nos fez colar ao ecrã para o ver, deixamos aos nossos seguidores a prestação de T-Mac , em 2004, num derbi texano contra os rivais Spurs.

Os Rockets perdiam por dois dígitos no quarto período e conseguiram uma recuperação estrondosa, levados às costas por 13 pontos em 33 segundos de T-Mac, numa noite plenamente memorável, que certamente quem viu nunca esquecerá.

A frieza, o talento e o clutch, fizeram deste momento um dos mais emblemáticos dos jogos do novo milénio.

Para a história…

João Pinto

Estudante de Direito- Universidade Católica Portuguesa/ Apaixonado pelo desporto e pela melhor liga do mundo/ Fã dos Boston Celtics desde 2009, desde que um certo trio andou por lá a provocar estragos

Deixe uma resposta