Novos rumores envolvendo Chris Paul

O drama de Chris Paul é mais do que conhecido. Em declínio físico, o base foi trocado dos candidatos Rockets para os Thunder, de forma a Daryl Morey se livrar do seu principesco salário e tentar, mais uma vez, aproximar a equipa do anel – neste caso, com a adição de Westbrook.

No entanto, Paul ainda tem alguma gasolina no tanque, pelo que fará pouco sentido manter-se numa equipa em rebuild. Por outro lado, o All-Star aufere 35,7 milhões de dólares por ano, o segundo maior salário da liga – apenas atrás de Stephen Curry -, o que tem afastado interessados.

Segundo Zach Buckley do Bleacher Report, os novos interessados nos serviços do ex-Rocket podem ser os Milwaukee Bucks. Buckley considera que a adição de Paul seria um upgrade direto a Bledsoe, que tem desiludido na post season, além de ser um incentivo extra para Giannis se renovar o seu vínculo com a equipa do Wisconsin, que termina em 2021. Paul poderia ainda acrescentar qualidades na distribuição de jogo que Bledsoe não tem. Por outro lado, devido à sua idade, Paul seria um downgrade defensivo face a Bledsoe, embora Buckley afirme o contrário.

O acordo poderia processar-se da seguinte forma: os Bucks receberiam Paul, dando em troca Bledsoe, Ersan Ilyasova, Robin Lopez, D.J. Wilson e Donte DiVicenzo.

Quanto à melhoria na distribuição de jogo e à experiência, sem dúvida que esta troca faria sentido para os Bucks. Para os Thunder livrar-se de um salário desta dimensão seria sempre positivo, em qualquer circunstância. Porém, nesta fase, até pelo seu salário, Paul não parece valer todos estes assets que os Bucks teriam de ceder, nem, com 34 anos, seria incentivo algum para Giannis renovar contrato.

Deixe uma resposta