NBA 2019/2020: Utah Jazz

Não se falou muito dos Utah Jazz durante esta off-season mas uma coisa é certa, com a adição de Mike Conley e Bogdanovic, os Jazz são sem dúvidas umas das equipas mais fortes este ano na NBA e podem surpreender muita gente… Sim estou a falar da possibilidade de em Utah no final da época estarem a festejar o título da NBA.

Se formos comparar uma equipa que já era bastante competitiva o ano passado com a equipa deste ano, ficaram mais fortes em praticamente todas as posições!

Os Utah Jazz podem não estar a receber o protagonismo de outras equipas, mas podem ter a certeza que vão ser um osso duro de roer para qualquer adversário.

Vamos agora tentar perceber o porque desta equipa estar assim tão forte ao analisar o seu 5 inicial.

Point Guard: Mike Conley

Imagem relacionada

Sem sombras de dúvidas uma dos, se não o jogador mais underrated de toda a liga. Consegue defender, consegue atacar, consegue criar para os colegas, consegue marcar pontos de todas as maneiras e feitios, um jogador super completo. Vem de uma equipa bastante frágil o ano passado, os Grizzlies, mas agora com os Utah certamente vamos ouvir o nome Mike Conley mais vezes. Em relação a Ricky Rubio, Conley é um upgrade significativo.

Shooting Guard: Donovan Mitchell

Resultado de imagem para donovan mitchell

Continua a ser umas das principais caras dos Utah Jazz, apesar de a época transata não ter corrido como planeado.

Este ano não vai ter a responsabilidade de carregar tanto a equipa ofensivamente, agora com Conley e Bogdanovic, os seus números podem até descer um pouco uma vez que certamente vai ter menos lançamentos.

Se conseguir dar um passo em frente este ano e subir mais um patamar na sua evolução, vai ser um peça fundamental num possível sucesso dos Jazz.

Small Forward: Bojan Bogdanovic

Resultado de imagem para bojan bogdanovic utah

Vai encaixar que nem uma luva nestes Jazz! Uma contratação incrível que vai certamente ter um impacto imediato na performance da equipa. Ter no plantel um atirador da qualidade como Bogdanovic, vai abrir o campo de forma a facilitar as penetrações tanto de Mitchell como de Conley.

Para além disso, estamos a falar de um jogador muito forte defensivamente e super inteligente a jogar.

Power Forward: Jeff Green

Resultado de imagem para jeff green

Já la vai o tempo em que se esperava impacientemente pela época onde Jeff Green fosse explodir. Essa explosão nunca aconteceu mas não quer dizer que Green não evoluiu enquanto jogador durante este tempo. Pode não ser um All-Star mas não deixa de ser um jogador extremamente competente.

Green pode fazer diversas posições ao longo do jogo e pode acrescentar alguma versatilidade no ataque. Continua a ser um jogador com uma grande condição física e que consegue acompanhar o jogo em alturas que este se encontre com um ritmo muito elevado.

Center: Rudy Gobert

Resultado de imagem para rudy gobert

Já não é preciso dizer muito sobre Gobert. O melhor defensor na área pintada da liga, já o é à alguns anos. Finalmente conseguimos ver uma evolução no seu jogo ofensivo o que o torna um jogador ainda mais perigoso.

Com o passar dos anos, assume um papel de líder nesta equipa e se conseguir evitar lesões é um sério candidato a ganhar o título de Defensive Player of the Year pelo segundo ano consecutivo.

Jogadores da rotação: Emmanuel Mudiay, Dante Exum, Joe Ingles, Royce O’Neal, Georges Niang, Ed Davis, Tony Bradley

Conclusão

Estes Utah Jazz aparecem na sombra, mas podem muito bem acabar na ribalta! Com um plantel extremamente versátil, são muito bons em vários aspetos do jogo. Com um projeto bem definido e com um grupo de jogadores de extrema qualidade, este é sem dúvida um bom ano para se ser adepto dos Utah Jazz.

Previsão da época: 50W-32L

Vasco Brito

Licenciado em Marketing, apaixonado por jogos online e tatuagens mas acima de tudo pelo melhor liga do mundo...NBA!

Deixe uma resposta