Lowry, a peça chave dos renovados Heat?

Os Miami Heat apresentam-se com boas possibilidades de fazer uma boa temporada em 2022, depois de na ´época transata terem desiludido.

Com a contratação de Kyle Lowry e a permanência de Victor Oladipo, juntando a nomes como Adebayo, Jimmy Butler e Tyler Hero, certamente terão uma palavra a dizer no Este, dado o variadíssimo leque de opções da equipa.

Falando do novo reforço, Kyle Lowry, o base de 35 anos chega para ser o organizador de jogo da equipa, funcionando como um facilitador do jogo ofensivo dos Heat, mantendo o perfil já delineado na sua carreira em Toronto,

A sua boa capacidade de defesa perante os mais variados bases da liga também é uma valia a ter em conta, que acrescenta qualidade às opções que outrora existiam.

Além destes aspetos, há ainda outro debaixo de olho. É que as principais referências ofensivas dos Miami Heat, até ver, Jimmy e Bam Adebayo, são lançadores modestos a nível exterior. A equipa conta apenas com Duncan Robinson e Tyler Herro como referências da linha dos três pontos.

O certo é que Lowry traz sem dúvida um “upgrade” ao nível da capacidade de armar o tiro exterior. O base é um excelente atirador, quer em drible, quer a sair de bloqueios para o conhecido “catch and shoot”, com percentagens perto dos 40% da linha de três.

Vamos ver como é que a equipa técnica coloca a equipa a funcionar Todos os fãs dos Heat esperam uma temporada bem melhor do que a época anterior, onde a equipa da Florida saiu de cena na primeira ronda dos playoffs, caindo diante dos campeões Milwaukee Bucks.

Este ano, com Lowry, Butler, Oladipo e Bam, os Heat apresentam-se mais sólidos, e com vontade de dar a volta por cima.

João Pinto

Licenciado em Direito- Universidade Católica Portuguesa; Apaixonado pelo desporto e pela melhor liga do mundo; Fã dos Boston Celtics desde o título de 2008, quando uma equipa começou a dizer "Ubuntu" aos 3...

Deixe uma resposta