Houston, we have a problem.

Desde a contratação de James Harden que os Houston Rockets têm passado por um processo de “rebuild”, feito em torno do “Barba”. Chris Paul, Carmelo Anthony e Russel Westbrook foram alguns dos que se juntaram á equipa nos últimos anos, mas o sucesso parece impossível.

Após a trade da noite passada, que enviou Clint Capela para os Atlanta Hawks, os Rockets perderam um grande defensor e o homem que salvava o seu jogo interior. Capela era cobiçado por várias equipas, incluindo os Boston Celtics, porém, numa troca entre quatro equipas, foram os Hawks que adquiriram o jogador suiço.

Alguns dos melhores momentos de Capela ao serviço da equipa texana:

A Houston chegaram Jordan Bell e Robert Covington, dois jogadores que à partida sairão do banco. Mas onde está o problema dos Rockets?

Antes de mais, frisar que esta é uma mera opinião pessoal e que este artigo serve exatamente para a expor.

Começemos então por 2012, quando chega à equipa um astro ainda em progresso, James Harden de 22 anos ingressava em Houston para inicar um processo de “rebuild” em sua volta.

Desde a chegada de Harden que os Rockets não falharam uma única vez os playoffs, com o jogador a ser sempre o foco e o líder em pontos da equipa. Em 2016-2017 já se apresentava uma boa equipa, terminando a época regular em 3 lugar (55-27) apenas atrás de Warriors e Spurs, um plantel que continha jogadores como Lou Williams, Patrick Beverley, um promissor Capela.

Após a derrota nas semifinais de conferência frente aos Spurs, o GM da equipa calculou que tivesse de agir, e decidiu nesse verão, apresentar uma proposta aos Clippers por Chris Paul. Lou Williams e Patrick Beverley (e outros envolvidos) foram então parar a Los Angeles, e Chris Paul juntava-se assim a Harden nos Rockets.

Na minha opinião este foi o primeiro grande erro da equipa, trocar jogadores consistentes e que ajudavam a equipa defensivamente, por Chris Paul que já não apresentava a sua melhor forma.

Na sua primeira temporada ao serviço dos Rockets, Chris Paul teve números idênticos aqueles que havia registado na passada época em LA. Os Rockets terminaram a temporada regular no primeiro lugar da conferência Oeste com um record de 65-17, James Harden acabou por ser eleito MVP da temporada.

Porém foi nos Playoffs que a equipa voltou a comprometer, após uma série competitiva onde demonstraram praticar um excelente basquetebol, a equipa foi eliminada em casa pelos campeões Golden State Warriors ao fim de 7 jogos.

Arrisco-me a dizer que se tivessem ganho aquele jogo, provavelmente teriam sido campeões frente a uns Cleveland Cavaliers fracos, apenas carregados por LeBron (acabaram por levar 4-0 nas finais.).

Até agora nem parecia um grande erro a troca de Chris Paul, tinham chegado ás finais de conferência, terminado em primeiro na época regular, apenas lhes faltou aquela pontinha de sorte para alcançarem o tão ambicionado título.

Mas foi na época seguinte que os adeptos começaram a ficar impacientes. Novamente eliminados pelos Warriors, desta vez nas meias finais da conferência, sem Kevin Durant a equipa liderada por Curry levou a melhor em 6 jogos, eliminando os Rockets em casa novamente.

Foi então que os Rockets bateram com o pé, e neste Verão decidiram trocar Chris Paul para Oklahoma por Russel Westbrook. Aqui nem é preciso falar muito não é? Todos conhecemos o perfil de Westbrook, sempre foi o líder dos Thunder e estava habituado a isso, agora chegava a uma equipa em que tinha de ser liderado.

A verdade é que quer queiramos ou não, Russel Westbrook e Harden são ambos All Stars, porém, o registo da temporada regular já não é tão bom. 5 lugar, quase apanhados pelos rivais texanos Dallas Mavericks.

Com esta recente troca, Houston perde aquele que na minha opinião era o segundo jogador mais importante (seguido de Harden). Capela contribuía muito nos ressaltos e em termos defensivos, penso que com Jordan Bell e Covington a equipa apenas perdeu na troca.

Veremos se haverá alguma diferença nos playoffs em relação aos útlimos anos, eu pessoalmente, penso que os Rockets não voltarão a ter oportunidades como as dos últimos dois anos. Mesmo com os Warriros fora de cena este ano.

Agora, com Harden e Westbrook a fazerem tudo por um anel, nunca sabemos se isto irá correr bem ou não, porque a química entre ambos não parece a melhor.

E você? O que acha que poderão os Rockets fazer? Fique com as melhores jogadas das duas estrelas da equipa esta temporada.

Vasco Oliveira

Gosto de escrever umas coisas de vez em quando. @vjoseoliveira

Deixe uma resposta