Curry com 100% de acerto na derrota dos Lakers no seu 1º jogo

Lakers e Mavs chamaram os fãs de NBA às 00:00 para aquele que deveria ser o melhor jogo do dia de hoje.

Estávamos todos curiosos para perceber algumas questões que ainda tínhamos em relação a ambas as equipas.
Como estariam LeBron e AD? Doncic iria manter o seu nível? JR Smith, Waiters e Dudley teriam estreias interessantes?

O jogo começou de forma animada com Seth curry a converter 3 triplos e Doncic a não errar os seus lançamentos. Do lado dos Lakers Green, AD e McGee mantiveram a equipa de L.A. a par dos seus adversários.

Até ao fim da 1ª parte os Lakers estiveram na liderança, graças ao seu frontcourt de elite, com LeBron, AD e McGee a dominarem por completo os adversários de Dallas.
Doncic e Seth Curry eram as figuras principais da equipa até então, ambos com uma eficácia altíssima (100% de lançamento para Seth e 62.5% para Doncic).

No 3º quarto a atuação que mais se destacou foi a de Marjanovic que levou os Mavs a atingirem um parcial de 33-19 nesse quarto.
O jogador dos Mavs acabou o jogo com um duplo-duplo (17 pontos e 13 ressaltos) e 66.7% de acerto.
Quem tentou fazer frente a este momento ascendente dos Mavericks foram Waiters e Cook que tiveram duas boas prestações neste scrimage.

Apesar da aproximação no final por parte dos Lakers, a equipa do Texas conseguiu conservar a vantagem que obteve no 3º período e terminou este jogo de treino com uma vitória.

Nos Lakers, destaque óbvio para o seu frontcourt que somou 37 pontos para a sua equipa e para a forma como McGee, Howard e AD tinham facilidade em receber passes (muito bem executados) para o alley-oop e finalizarem com sucesso.
Waiters, Kuzma, Howard e Cook não só cumpriram como também atingiram boas prestações neste jogo, enquanto que Dudley e JR não se fizeram sobressair nesta sua primeira aparição pelos “purple and gold“.
LeBron foi o melhor jogador desta equipa com 13 pontos, 3 ressaltos e 5 assistências e apesar da derrota, este jogo mostrou que os Lakers estão em condições de se manter a alto nível neste pós-quarentena.

Do lado dos Mavericks, não há como não considerar Curry como sendo o melhor da partida. Com 23 pontos, 6/6 em triplos e 100% de eficácia de lançamento, o irmão de Curry (o outro) fez uma exibição de gala neste amigável.
Em grande plano estiveram também Doncic que apenas deu um ar de sua graça nos 17 minutos que esteve em campo, fazendo 14 pontos, 5 ressaltos e 6 assistências, e Marjanovic que, como já disse, fez um duplo-duplo.
Destacar o poste pela sua capacidade de ganhar diversos ressaltos em ambos os extremos do campo, e de se fazer sentir no paint, atacando e defendendo muito bem esta área do campo.
Destaque ainda para Kleber e Justin Jackson que tiveram duas exibições positivas e decisivas para o sucesso dos Mavs.
Os “menos” desta equipa foram os três jogadores de Dallas que entraram no frontcourt do 5 inicial e que não só, não conseguiram gerar dificuldades suficientes aos Lakers, como também não fizeram o suficiente para perturbar a defesa dos 1ºs classificados da conferência Oeste.

Foi um excelente jogo (com cheirinho a playoff) e um bom indicador para a os próximos jogos de ambas as equipas.

Deixe uma resposta