Angolano começa a mostrar potencial na NBA

Mesmo estando há vários anos no topo do basquetebol africano, apenas este ano Angola teve o seu primeiro jogador na NBA. Bruno Fernando, natural de Luanda com 2.06m de altura, conseguiu chegar à maior liga do Mundo, foi a escolha 34 dos Atlanta Hawks no Draft de 2019.

A sua transição da universidade para a NBA tem sido marcada por enorme trabalho e ajuste a uma nova realidade, o que é comum para a maioria dos rookies. Mas quando nos lembramos da facilidade de como jogava na universidade e dominava, não esperávamos tanta hesitação na NBA. Tem tudo para ser uma pick de valor da segunda ronda.

Com uma utilização escassa nos primeiros tempos, com pequenas lesões e passagem pela G-League, Fernando começou a ser opção no cinco inicial desde meio de Dezembro, apesar de ainda jogar poucos minutos por jogo. O treinador Lloyd Pierce referiu que com a titularidade espera que Fernando possa melhorar vários aspectos do seu jogo. O jogador passou também pelo drama familiar com a perda da mãe no início de Janeiro. Tem-se debatido com uma lesão nos gémeos nos últimos tempos.

No entanto fez o seu primeiro duplo-duplo no final de Janeiro frente aos Wizards, com boa exibição. Poderá ser uma amostra do que ainda pode fazer esta época.

Os Hawks têm procurado soluções de poste sem grande sucesso nesta época com Alex Len e Damian Jones, John Collins tem sido colocado a extremo. A recente chegada de Clint Capela, Dewayne Dedmon e Skal Labissiere em Fevereiro, veio confirmar este ponto. Vão existir muitas opções no frontcourt até final da época, que poderão retirar minutos a Fernando.

Os Hawks terão disponibilidade para ir ao mercado no próximo Verão, contam com Collins e Capela no frontcourt, Trae Young um base allstar (com contrato de rookie), potencial nos rookies Hunter e Reddish, Kevin Huerter a contribuir, o futuro é promissor. Não nos parece o treinador possa jogar small ball com Collins a poste, como acontece por vezes, assim que tiver Capela disponível.

Em termos da próxima época, com Alex Len, Labissiere, Jones como FA no Verão, sobram Capela, Fernando e Dedmon na posição poste com contrato.

Após o All Star, Capela e Labissiere ainda a recuperar das lesões, Fernando totalmente recuperado do problema nos gémeos, esperamos que continue com mais minutos de jogo e melhores exibições nesta segunda parte da época.

Deixe uma resposta