A escolha mais “adormecida” do Draft de 2008

Todos os anos, o draft da NBA está cheio de jogadores que foram observados, analisados pelos departamentos de Scouting/Front office das equipas e que pode mudar o rumo da equipa. Enquanto há escolhas óbvias, como o Lebron James ser o #1 em 2003, o grande desafio é descobrir aqueles diamantes que apenas precisam de ser lapidados e que é esquecido por todos. Destas escolhas que iremos falar, todas as elas se tornaram peças fulcrais nas equipas por onde passaram. Vamos falar entre 2000 e 2009.

2008 – DeAndre Jordan

Este Draft foi rico em jogadores que ficaram adormecidos. Temos o exemplo de Ibaka (#24), George Hill (#26) e Goran Dragic (#45) que tiveram ótimas carreiras.

Jordan não era suposto ser o All Star que se tornou, ao ser a 35ª escolha. Ele foi melhorando aos poucos de época para época até que, aos 25 anos, teve o “boom” e liderou a liga em ressaltos e percentagem de lançamento. Desde então, ele tem sido um jogador defensivo bastante consistente que assusta muita gente. Ele já foi All Star e já teve presente em 3 All NBA Teams e 2 All Defensive Teams.

Top 10 Picks deste Draft:

  1. Derrick Rose – Chicago Bulls
  2. Michael Beasley – Miami Heat
  3. O.J. Mayo – Minnesota Timberwolves
  4. Russell Westbrook – Seattle SuperSonics
  5. Kevin Love – Memphis Grizzlies
  6. Danilo Gallinari – New York Knicks
  7. Eric Gordon – LA Clippers
  8. Joe Alexander – Milwaukee Bucks
  9. D.J. Augustin – Charlotte Bobcats
  10. Brook Lopez – New Jersey Nets

Rui Leite

Viciado em NBA e adepto dos Sixers desde que um certo baixinho andou lá a espalhar magia.

Deixe uma resposta