Lakers já têm tudo para os playoffs

Antes dos jogos de domingo, por 138 vezes uma equipa teve uma vantagem de 27 pontos ou mais nesta temporada. E essas equipas ganharam por 138 vezes. Até que os Los Angeles Lakers chegaram para desafiar as estatísticas. Levados por um Anthony Davis dos grandes jogos (30 pontos, 15 ressaltos), conseguiram uma recuperação espetacular para vencer os Dallas Mavericks (111-108). A terceira vitória consecutiva e a quarta em cinco jogos da equipa californiana desde a reformulação.

Liderando por 21-48 a 7 minutos do intervalo, falharam as suas primeiras 15 tentativas de três pontos, inverteram a tendência ao mostrar caráter e espírito de luta. Esta é a maior reviravolta da equipa desde a vitória contra os… Mavericks, já em 2002. Este sucesso, sem dúvida, fará muito bem para o moral do grupo. Quase parece que podem mudar qualquer situação, desde que se apliquem e joguem duro.

“Eles nunca desanimaram”, avalia o técnico Darvin Ham sobre os seus jogadores. “Eles ficaram frustrados, mas não abatidos.”

Este é exatamente o estado de espírito esperado por LeBron James quando falou dos últimos 23 jogos da temporada “os mais importantes da sua carreira.  O King está numa missão para evitar mais uma temporada sem os playoffs. E os seus companheiros estão preocupados. Principalmente os novos. Jarred Vanderbilt, por exemplo, foi um dos heróis da noite. O interior de 23 anos somou 15 pontos, 17 ressaltos e 4 roubos de bola, defendeu Luka Doncic. Pela primeira vez em muito tempo, os Lakers têm um extremo versátil capaz de defender e impactar o jogo de várias maneiras diferentes.

“Eu apenas tentei colocar alguma intensidade. Eu sabia que precisaríamos disso. Queria trazer energia para mudar o ímpeto”, disse o jogador.

O nível de esforço desta equipa dos Lakers não tem nada a ver com o da equipa que alinhou antes das alterações feitas a meio da temporada. Defende melhor, corre. O tudo é mais coerente. Resumindo, funciona melhor. E agora Los Angeles pode começar a considerar seriamente os playoffs.

Os californianos ainda são apenas décimos segundo no Oeste, mas estão a apenas 3 vitórias do sexto lugar ocupado justamente pelos Mavericks. Exceto por lesão, Lebron lesionou-se ontem, têm argumentos para aguentar o play-in e os playoffs. A equipa parece ter uma dinâmica melhor do que Portland Trail Blazers, New Orleans Pelicans, Utah Jazz ou Minnesota Timberwolves, por exemplo. Também parecem mais bem preparados em termos de plantel.

Deixe um comentário