O que mudou neste jogo 2?

Ao derrubar os Trail Blazers, o conjunto de LA conseguiu voltar às vitórias num jogo a contar para os playoffs da NBA.

A última remonta ao ano de 2012, quando Kobe brilhava na cidade dos anjos e LeBron lutava pelo seu primeiro anel em Miami.

Image

Um melhor desempenho coletivo da equipa, com uma maior eficácia de lançamento e uma ótima postura defensiva tornaram bastante difícil a tarefa de Portland, que pela primeira vez desde que se joga em Orlando ficou abaixo dos 90 pontos.

Mérito para o “game plan” executado na perfeição para esta partida, onde Lillard teve bastantes dificuldades em conseguir ter impacto no jogo ofensivo, anulado constantemente por um dois contra um que fora devidamente estudado pelos Lakers. A estrela dos Blazers terminou com apenas 18 pontos, algo abaixo do que nos tem habituado.

High screens for Lillard

Do lado de LA, destaque notório para a exibição de AD, com 31 pontos, 20 deles no primeiro quarto. O poste mostrou logo desde o início uma enorme vontade em redimir-se do primeiro jogo abaixo do esperado. Quem esteve mais discreto foi James, com apenas 10 pontos, 6 ressaltos e 7 assistências. Ainda assim, a sua contribuição foi essencial para permitir abrir outro tipo de soluções para a equipa.

How will Anthony Davis bounce back from uneven bubble performances?
Davis foi o melhor dos Lakers

João Pinto

Licenciado em Direito- Universidade Católica Portuguesa; Apaixonado pelo desporto e pela melhor liga do mundo; Fã dos Boston Celtics desde 2009, desde que um certo trio andou por lá a provocar estragos

Deixe uma resposta

<--bit--><--ti-->