Confusão no Sporting: “Travante Williams agrediu-me”

O jogador do Sporting, Derrick Fenner, está de saída do clube de Alvalade, alegando uma agressão de Travante Williams durante um treino.

Em declarações ao jornal “O Jogo”, o jogador norte-americano acusou o colega de equipa de agressão num treino antes do embate com o FC Porto, a 19 de novembro. Jogo esse em que Travante Williams ficou surpreendentemente fora da convocatória do Sporting.

Fui agredido num treino pelo Travante Williams (soco na cara”, deixando-me com pontos, dor de cabeça e a mandíbula inchada. A situação colocou a minha família e a minha segurança em risco. Portanto somos obrigados a ir embora.

O jogador que chegou ao Sporting esta temporada disse ainda:

Antes de vir para cá sabia que o Travante era “o homem”. Nunca pisei ninguém, nem nunca cheguei ao ponto de lhe dizer que esta era a “sua” equipa. Até me considerava próximo dele.

O jogador revelou ainda que Travante lhe deixou um bilhete no cacifo, desafiando para que ambos lutassem na rua.

Vasco Oliveira

Estudante de Ciências da Comunicação com o sonho de um dia poder trabalhar no jornalismo desportivo. @vascoliveira8 no Twitter

Deixe uma resposta