ROY 2018/2019…. Existem dúvidas?

A Fase regular chegou ao fim, tempo de fazer contas e recapitular tudo o que aconteceu ao longo de 1230 jogos e ver o que de melhor aconteceu.

Hoje vamos abordar o prémio Rookie of the Year, mais conhecido como ROY.

Este ano a corrida é feita a dois, Luka Dončić e Trae Young mostraram ao longo de toda a fase regular estarem um passo a frente em relação a todos os restantes rookies.

Não esquecer que Trae Young e Luka Dončić estiveram envolvidos numa troca na noite do draft, os Atlanta Hawks trocaram Dončić por Trae Young com os Dallas Mavericks.

Luka começou melhor a época, mas Trae Young acaba com exibições impressionantes, abrindo de novo a discussão para ROY, que parecia estar fechada.

Ambos foram protagonistas de momentos inesquecíveis esta época e certamente estamos a assistir ao começo uma das maiores rivalidades da NBA.

Percentagens de Lançamento

Luka Dončić é ligeiramente mais eficiente que Trae Young, a lançar 43% de 2 pontos contra os 41% de Trae. Podemos ir ainda mais longe e verificar que Luka também leva vantagem na marcação de pontos dentro da área pintada 50% vs 46%.

Da linha dos três pontos a história repete-se, Luka 35% vs 33% de Young.

Capacidade de desequilíbrio

Neste campo a vitória vai para Trae Young, com uma visão de jogo incrível ao nível dos melhores da liga, foi protagonista de algumas das melhores assistências este ano. Com uma capacidade de penetrar e criar lançamento para os companheiros de equipa é uma se não a principal arma de Trae Young e certamente será apenas uma questão de tempo até este começar a liderar com alguma regularidade o ranking de assistências da NBA. Este ano acabou com uma média de 7.8 assistências por jogo.

Dončić por outro lado, provoca este desequilíbrio de uma forma mais individual. Conta com uma média de 5.5 assistências por jogo o que não deixa de ser um número bastante positivo.

Defesa

Verdade seja dita, nenhum dos dois apresenta na defesa o seu cartão de visita. Ambos tem muito trabalho , com fragilidades a defender o pick and roll  dos adversários, são muitas vezes vistos como alvos pelos atacantes.

Ainda assim Luka Dončić neste momento é um defesa mais sólido que Trae Young.

Ressaltos

Sem grande surpresa Dončić é superior, não só por possuir um físico superior ao de Trae Young mas o seu melhor posicionamento dentro de campo também lhe permite colecionar mais ressaltos que Trae Young.

Média de ressaltos: Dončić 7.2 vs 3.4 Young

 Clutch Master

Ambos nos proporcionaram ao longo de toda a época beat buzzers incríveis, ao nível dos melhores do jogo.

O principal ponto que diferencia ambos neste aspeto é a consistência. Dončić neste momento apresenta melhores números que Trae, apesar deste ter a qualidade e capacidade de resolver qualquer jogo. O seu jogo nesta altura da sua carreira ainda é muito inconstante em relação a Dončić.

Vamos olhar para este aspeto de outra forma. Jogo empatado e com a última posse bola na nossa equipa, como treinador a jogada seria desenhada para acabar com um lançamento de Dončić em detrimento de Trae Young.

Liderança

Um dos pontos que levanta mais discussão. Muitos dão a vantagem a Luka, uma vez que os Mavericks apresentam um melhor registo de vitórias que os Atlanta Hawks.

Chegar à NBA e ter de assumir logo um papel de liderança é um desafio que não está à altura de todos. Se por um lado Luka teve a ajuda da grande lenda Dirk Nowitzki, Trae tinha no seu canto Vince Carter. Certamente ambos os veteranos tiveram um papel preponderante no crescimento destes jovens.

Basquetebol QI

Clara vantagem para Luka Dončić. Apesar deste ser Rookie na NBA, não nos podemos esquecer do todo o historial que este traz dos seus anos da Europa, nesta lista ficam apenas alguns dos prémios individuais/coletivos que aos 20 anos Luka já conquistou:

Prémios Coletivos (Real Madrid):

  • Campeão da Liga ACB 2014-15 e 2015-16, 2017-18.
  • Campeão da Copa Intercontinental FIBA 2015.
  • Campeão da Euroliga de 2017-18

Prémios individuais

  • MVP do Campeonato de Europa Júnior (Adidas Next Generation Tournament) 2015.
  • Melhor Jogador Jovem da ACB 2016-17
  • Membro do Quinteto Jovem ideal da ACB 2016-17
  • Quinteto ideal do EuroBasket de 2017
  • MVP da 3ª Rodada da Euroliga de 2017-18
  • MVP da 4ª Rodada da Euroliga de 2017-18
  • MVP da 15ª Rodada da Euroliga de 2017-18
  • MVP da 29ª Rodada da Euroliga de 2017-18
  • MVP de Outubro da Euroliga de 2017-18
  • Jogador da 14ª Rodada da Liga Endesa de 2017-18
  • MVP da Temporada 2017-18 da Liga ACB

Todas estas experiências aliadas à qualidade inata fazem de Dončić um “génio” do Basquetebol. Trae Young apesar da visão de jogo já referida neste artigo ainda comete alguns turnovers devido à sua falta de experiência a este nível.

Melhor Marcador

Esta fase final da temporada finalmente permitiu-nos ver um Trae Young ao nível do que era esperado. Com uma facilidade enorme de lançamento Young vai ser extremamente difícil de parar, a sua capacidade de penetrar e acabar com layupsou com os seus lançamentos “do meio da rua” como tanto gosta de fazer, fazem dele uma máquina de fazer pontos.

Atingiu o seu máximo de carreira no jogo contra os Chicago Bulls onde acaba com 49 pontos e 16 assistências!

Concluindo

Ambos tiveram uma época de estreia de sonho na NBA e felizmente para todos os amantes de basquetebol, será certamente apenas o início de duas grandes carreiras que irão deixar a sua marca nesta liga.

Luka Dončić: 71 jogos, 23 duplos-duplos, 7 triplos-duplos, 31 vitórias e 47 derrotas

Trae Young: 80 jogos, 29 duplos-duplos, 1 triplo-duplo, 29 vitórias e 51 derrotas

Apesar de um final de temporada com números incríveis por parte de Trae Young, o prémio de ROY dificilmente irá fugir a Luka Dončić. Este apresenta uma consistência e uma maturidade de jogo muito acima da média, havendo, no entanto, a clara possibilidade de Trae Young vir a evoluir ao ponto de ser um jogador superior a Dončić no futuro, mas neste momento não o é.

Vasco Brito

Licenciado em Marketing, apaixonado por jogos online e tatuagens mas acima de tudo pelo melhor liga do mundo...NBA!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *