Rockets vencem Spurs em duelo do Texas

Os Houston Rockets comandados por um estratosférico James Harden receberam e venceram no Toyota Center os San Antonio Spurs, por 111-105.

No início do jogo James Harden esteve imparável, marcando quase todos os lançamentos de campo e sendo só parado em falta. Com isto os Rockets foram ganhando vantagem, e chegaram ao fim do 1° período com vantagem de 12 pontos, 36-24, com James Harden com 27 pontos.

No 2° período, e apesar da defesa dos Spurs ter conseguido conter mais o ataque dos Rockets e James Harden, os Rockets aumentaram ligeiramente a diferença, e chegaram ao intervalo com vantagem de 15 pontos, 62-47 era o resultado, com Harden já com 37 pontos.

No 3° período apareceram os melhores Spurs, com um jogo muito colectivo, sem arriscar lançamentos difíceis e com jogo interior à moda antiga, os Spurs operaram o milagre de chegar ao fim do 3° período em igualdade pontual, com 81-81 no marcador.

No 4° período parecia que os Spurs estavam mais moralizados e que iam conseguir uma vitória épica, chegando a estar com 6 pontos de vantagem a menos de 4 minutos do fim, mas aí apareceu o Barbas… Com vários lançamentos de 3 e não só, James Harden pegou no jogo, após um período mais errático da sua parte, e colocou a sua equipa a ganhar e de forma espetacular, tendo marcado todos os pontos da sua equipa que passou de uma desvantagem de 6 pontos, para uma vantagem de 5 com apenas 1:25 para jogar, tendo também conquistado ressaltos ofensivos no processo, vitais para a equipa manter a posse de bola e marcar. Os Spurs tentaram responder da mesma moeda, mas não conseguiram ser tão eficazes, e o máximo que conseguiram foi um triplo de Forbes, já um bocado tardio, mas que ainda colocou o jogo a 4 pontos de distância, 109-105 era o resultado, faltavam apenas 34 segundos, e na resposta Chris Paul não falhou da linha de lance livre, deixando o jogo a 6 pontos, diferença que não se alteraria.

Com esta vitória os Rockets ficam com registo de 46-27, ainda em 3° lugar na conferência Oeste, com os Trail Blazers por perto. Os Spurs, estão com excelente registo de 42-31, em 8° da mesma conferência, mas com apenas um jogo de desvantagem do 5° lugar.

Este jogo vai ficar na história pela exibição de James Harden, com 61 pontos, tornou-se apenas no 4° jogador a marcar 60 ou mais pontos em mais que um jogo em na mesma época, depois de Wilt Chamberlain, Michael Jordan e Kobe Bryant. Harden já conseguiu marcar 60 ou mais pontos em 2 jogos esta época, tendo igualado o seu máximo de carreira com estes 61 pontos, que tinha conseguido também esta época.

Márcio Dias

Natural e residente do Porto Licenciado em Línguas, literaturas e culturas na FLUP Fã de múscia, cinema e literatura, apaixonado por desporto e em particular por basquetebol

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *