Os nomes mais prováveis a serem trocados na Trade Deadline

A trade deadline está a aproximar-se, 8 de Fevereiro e estes são os jogadores a ter em atenção como mais prováveis a serem trocados! Gostavam que a vossa equipa trocassem por um destes?

Gordon Hayward

O veterano dos Charlotte Hornets apesar de vários problemas com lesões, ainda tem muito para dar com a sua versatilidade do lado ofensivo, sendo um marcador de qualquer zona e um passador acima da média para a posição. Como está no último ano do contrato e sem fazer grande sentido num plantel sem ambições de playoffs, deve ser trocado.
Atenção por exemplo a Dallas Mavericks ou 76ers como potenciais equipas a trocar por Hayward.

Miles Bridges

Acima de tudo, qualquer equipa que troque por Miles Bridges deve ser condenada. Em termos basquetebolísticos apenas, Miles Bridges é capaz de dar uma verticalidade e um fisicalidade na posição 4 que pode estar em falta em vários plantéis. Não faltam motivos para trocar Bridges.
Phoenix Suns ou Sacramento Kings são potenciais equipas interessadas nos serviços de Bridges.

Dejounte Murray

Dejounte Murray é dos nomes com mais rumores em volta. O encaixe com Trae Young ficou longe do desejado e apesar de ter renovado, já se encontra disponível para troca e o valor pode dizer-se ainda maior graças ao bom contrato onde está. Com o lançamento um pouco mais sério e consistente e um desejo de um regresso a um nível defensivo que uma vez já foi alcançado, Murray pode fazer sentido em algumas equipas.
Los Angeles Lakers ou Brooklyn Nets são duas potenciais equipas a poder trocar pelo base americano.

Tyus Jones

Um dos melhores bases com a bola na mão na tomada de decisão, Tyus Jones tem um valor imenso para qualquer equipa que procure ter um base substituto ou mesmo à procura de um base titular. Apesar de estar a ajudar no crescimento dos novos jogadores em Washington, o valor que este tem torna-o potencial jogador trocado por futuro valor.
Minnesota Timberwolves ou Cleveland Cavaliers são equipas a ter em atenção para Tyus Jones.

Daniel Gafford

Daniel Gafford já vai em várias épocas consecutivas como um dos jogadores menos falados na liga com um produção bastante positiva. A defesa de cesto, combinada com a verticalidade perto do cesto e alguma versatilidade defensiva é o que Daniel Gafford pode oferecer a várias equipas. Os Wizards ouviria propostas por Gafford visto este não ser opção para poste do futuro para equipa em contrução e ser mais velho do que potencialmente seria desejado.
Várias equipas deviam ligar por Gafford, incluindo Dallas Mavericks ou Oklahoma City Thunder.

DeMar DeRozan

Um dos melhores scorers da história da NBA, no último ano de contrato, aos 34 anos de idade, DeMar DeRozan ainda tem muito a oferecer , principalmente ainda este ano. Os Bulls podem retirar valor sério por um jogador que apesar de ser fantástico para o crescimento dos jovens jogadores, acaba contrato esta época e renovar DeRozan não deve ser o passo considerando as diferenças de idade.
Los Angeles Lakers ou Golden State Warriors são equipas veteranas que deviam apontar a DeRozan.

Quentin Grimes

Aos poucos tem vindo a perder importância na rotação dos Knicks e de Tom Thibodeau. É um ótimo lançador exterior, apesar de muitas vezes, hesitante e já provou ser um defesa de perímetro bastante competente. A chegada de O.G. Anunoby, apesar de se esperar em mais minutos para Grimes, o oposto ocorreu.
Milwaukee Bucks ou Denver Nuggets podem apontar a Grimes.

Bruce Brown

Trocado recentemente para Toronto, Bruce Brown deve estar pelo Canadá, até ver uma proposta em que o retorno para os Raptors é bom o considerável para pensar em trocar por ele e não deixar mais um recurso sair a custo 0 no final da época.
New York Knicks ou Los Angeles Lakers são as equipas que devem perseguir Bruce Brown ativamente.

Davis Bertans

17 milhões parados com imensas escolhas de draft. Sam Presti e Oklahoma City Thunder devem utilizar Bertans para complementar o plantel dos Oklahoma City Thunder da forma possível considerando como esta época tem sido fenomenal e a janela de oportunidade pelo título aparenta estar mais aberta que alguma vez foi nos útlimos 10 anos.
Apesar de estar aqui pelo motivo oposto, Miami Heat ou Minnesota Timberwolves devem tentar ver se conseguem revitalizar a carreira de Bertans.

Harrison Barnes

Talvez o jogador menos esperado deste top, mas Harrison Barnes deve ser trocado em breve. O crecimento de Keegan Murray e ainda mais um salto de Domantas Sabonis são motivos suficientes para tentar arranjar melhores recursos para um ataque imediato ao título. Harrison Barnes continua a ser útil graças à sua capacidade defensiva e graças à sua maturidade, podendo ajudar várias equipas a colmatar um potencial lugar no 3 ou 4.
Utah Jazz ou mesmo, Denver Nuggets devem tentar arranjar forma de ter Barnes e complementar o que já tem construido internamente, sem causar grandes entropias na equipa.

Assiste a todos os jogos da NBA e da Liga Portuguesa de Basquetebol! Regista-te na Betclic com o promocode NBAPTBETS e ainda ganhas uma Aposta Sem Risco até 50€!

Regista-te AQUI com o promocode NBAPTBETS e assiste a todos os jogos!

Tomás Carneiro

Bem, música, cinema, basquetebol e cozinha são a minha vida. Melómano em que registo todos os álbuns que ouço, registo todos os filmes que vejo. https://rateyourmusic.com/~tomasmei - perfil do rateyourmusic https://letterboxd.com/tomasmcarneiro/ - Perfil do Letterboxd Em relação a basquetebol, sou fã do Toronto Raptors na NBA (cresci a ver vídeos do Vince Carter e sim, Lowry é o GROAT) e na Euroleague sou fã do Partizan (Punter continua onde deve). Sou fã principalmente de jogadores novos e dos talentos a crescerem.

Deixe um comentário