Os Lakers são os favoritos dos árbitros?

Tem sido recorrente os jogadores criticarem o tratamento preferencial de que beneficiam as equipas de mercados grandes, com Gobert e Van Vleet mais recentemente. Ao analisar o diferencial dos Los Angeles Lakers em termos de lances livres marcadores e lances livres sofridos, podemos pensar porque o descontentamento vai crescendo…

Podemos sempre invocar diferentes estilos de jogo, uns mais agressivos do que outros, para tentar explicar certas disparidades. Mas…

Os Lakers têm o maior diferencial em toda a NBA com +428 (2027 obtidos, 1599 sofridos). A diferença para o segundo deste ranking, Sacramento, é enorme. Os Kings estão com +205 (1941 obtidos, 1736). As outras melhores equipas estão com +174 (Miami), +154 (New York) e +139 (Orlando). Los Angeles é, portanto, a equipa que mais lança e a que menos sofre.

É certo que o conjunto orientado por Darvin Ham conta com jogadores que sempre causaram faltas durante a carreira, e cujo jogo explica em parte essa particularidade. Só que com tais diferenças, difícil não dizer que, conscientemente ou não, que facilmente se nota em jogo.

No “bottom 5”, encontramos os Warriors, em último lugar, que exibem um assustador -402. Os Wolves são a equipa contra a qual os árbitros mais apitam lançamentos na NBA (2016) e são mesmo os únicos a terem atingido e ultrapassado a marca dos 2000.

Mas podem muito bem ter sucesso na temporada sendo negativos neste diferencial, já que os Nuggets estão por exemplo em -40, mas lideram a conferência Oeste. 

Deixe um comentário