Dream Team já se começa a formar

O dia da imprensa da NBA foi uma oportunidade para alguns confirmarem o que estávamos a sentir nas últimas semanas, a seleção dos EUA terá uma base de nível bastante incrível para os Jogos Olímpicos de 2024. Em Phoenix, Kevin Durant inequivocamente alegou que estaria em Paris.

Stephen Curry disse, “É a única coisa que não fiz. Eu claramente quero estar”.

LeBron também parecia positivo, aquele que foi declarado o líder do processo de recrutamento de outras estrelas com o objetivo de criar uma Dream Team. Bem, a sua abordagem é um pouco mais parecida com a de um turista do que com um grande jogador de uma equipa que tem como alvo a medalha de ouro, mas a intenção está aí.

“Sim, eu estou interessado. Eu não acho que seria uma carga muito física ir para lá. Eu não teria muito que fazer. Faço alguns ressaltos, faço passes, defendo e contrario alguns lançamentos”.

O companheiro dos Lakers, Anthony Davis indicou que, como ele já disse, irá às Olimpíadas com a seleção dos EUA se o chamarem.

Obviamente, temos de esperar até a temporada terminar, mas a base desta equipa cheia de nomes sonantes continua a ganhar forma. A única opinião negativa veio de De’Aaron Fox, que disse, em essência, que a participação nos Jogos Olímpicos era a menor das suas preocupações.

Deixe um comentário