“Difícil ganhar aos Lakers quando vivem na linha de lance livre!”

A série da primeira ronda de Playoff na Conferência Oeste entre os Portland Trail Blazers e os Los Angeles Lakers tem dado que falar e promete ser polémica até ao último jogo.

Na madrugada de Sábado os Los Angeles Lakers venceram os Portland Trail Blazers por 116-108 e assumiram a liderança da série por 2-1. Neste jogo os Blazers deram mais luta, depois de terem sido “amassados” no jogo 3 mas mesmo assim não conseguiram parar a equipa de Los Angeles.

Apesar da boa exibição dos Los Angeles Lakers, com LeBron James a dominar com 38 pontos, 12 ressaltos e 8 assistências e ainda com A.Davis com 29 pontos e 11 ressaltos, houve um fator que marcou o jogo, com os Lakers a terem 43 lançamentos da linha de lance livre, enquanto que a equipa de Portland teve apenas 19.

Damian Lillard não deixou passar em claro esta situação e, em declaração à ESPN, disse que era difícil bater uma equipa poderosa como os Lakers quando eles estão sempre na linha de lance livre. Lillard explicou que foi um jogo duro, que a sua equipa fez muitas faltas e que foi um jogo físico de ambas as partes, o que não justifica a discrepância na diferença de lançamentos livres.

“The discrepancy in free throws is something that’s out of our control,” “Last game, we came out [and] they played a really physical game, they played a really aggressive game. That led to a blowout victory for them.

Damian Lillard e Terry Sttots não criticaram a arbitragem diretamente mas foi claro que havia um sentido de crítica na forma como os árbitros têm julgado alguns contactos durante o jogo.

“Tonight, we came in saying we weren’t going to get bullied and let them out-physical and out-aggressiveness us, and maybe sometimes we did foul, but they’re a physical team as well. When a team is living at the free throw line like they did tonight as a team, it’s going to be hard to win a game against a team that’s as good as they are.”

Terry Sttots, treinador dos Portland Trail Blazers, também não deixou passar em claro a situação e até questionou se teria estado em algum jogo em que a diferença de lance livres entre uma e outra equipa tivesse sido tão grande.

“I don’t know if I’ve ever been in a game where (the free throw differential) was that big. It certainly had an impact on the first half when I think the differential was 23,” he said.



Faz o teu registo no Banner e a tua primeira aposta é sem risco. Se perderes devolvemos o valor até 50€.



Deixe uma resposta

<--bit--><--ti-->