Devin Booker brilhou na época desastrosa dos Phoenix Suns!

A época era promissora para a equipa dos Phoenix Suns e as expetativas eram altas no início do campeonato da NBA. A equipa conseguiu a 1ª escolha de Draft, onde escolheu Deandre Ayton, e conseguiu fazer uma mistura de jovens jogadores com alguns veteranos que iriam trazer a experiência que faltava a equipa.

Esta será a 3ª época consecutiva em que os Phoenix Suns terminam a fase regular na ultima posição da Conferência Oeste, algo pouco habitual principalmente para uma equipa que há poucos anos estava em grande plano nos Playoffs, no entanto a equipa voltou a desiludir e mais uma vez terminará a época no fundo do Oeste.

Quando a época começou os Phoenix Suns apresentavam um Roster que prometia, no mínimo, dar alguma luta e até poder sonhar com os Playoffs, conseguiu juntar Trevor Ariza, Ryan Anderson, Jamal Crawford que chegaram como jogadores experientes para juntar a novos talentos como Devin Booker e até mesmo Deandre Ayton.

O início de época ditou, desde cedo, mais uma época desastrosa para a equipa visto que, ao fim dos 13 primeiros jogos só tinha conseguido duas vitórias. A partir daí a estrutura começou a desmoronar, com várias trocas à mistura, e o fundo da tabela ficou reservado, mais uma vez, aos Phoenix Suns.

No meio de tantos pontos fracos, salvou-se a excelente época que, mais uma vez, Devin Booker voltou a realizar. O jovem jogador, com apenas 22 anos de idade, realizou apenas 64 jogos e registou uma média fantástica de 26.6 pontos por jogo e ainda uma média de 6.8 de assistências.
O jogador teve momento fantásticos, como por exemplo, marcar 59 pontos frente aos Utah Jazz, mas a equipa não correspondia e somava derrotas mesmo quando o jogador marcava imensos pontos.
De realçar ainda os 3 jogos consecutivos onde Booker marcou 50, 59 e 48 pontos, sem no entanto ganhar nenhum desses jogos.

Os Phoenix Suns apresentam bastantes jogadores jovens e podem preparar a próxima época em grande força, tendo como objetivo renovar com Devin Booker e esperar uma boa evolução dos jovens jogadores, como Deandre Ayton, Josh Jackson, e até mesmo do recém chegado Kelly Oubre Jr.

Com mais uma ano a acabar na última posição da Conferência Oeste, os Phoenix Suns não serão a equipa com pior registo da liga, que pertencerá aos New York Knicks, mas terá uma alta escolha de Draft que poderá dar uma nova motivação ao conjunto de Phoenix para que a próxima época seja mais positiva e que não voltem a terminar na última posição da Conferência Oeste.

Pedro Ribeiro

Formado em Ciências da Comunicação, trabalhou como Jornalista e Assessor de Comunicação. Fã da NBA, participou em vários projetos sobre esta liga. Fundador do site www.nbaportugal.com https://twitter.com/pedrofmribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *