9 minutos sem marcar e os Pacers caem em Boston

Depois de uma primeira noite de surpresas, o 5º classificado do Este tinha razões para chegar a Boston confiante. O 4º contra o 5º classificado é, no papel, o jogo mais equilibrado desta primeira ronda e a primeira parte parecia confirmá-lo.

Os Indiana Pacers estiveram a ganhar por 11 na primeira parte e chegaram ao intervalo a vencer por 7. A segunda parte, no entanto, foi outra historia completamente diferente e com Larry Bird a assistir, uma lenda viva do basquetebol que significa muito para ambas as equipas, os Celtics tomaram para si o terceiro período com uma run incrível de 22-3, para assumir uma vantagem que jamais de dissiparia e acabaram por controlar a primeira partida da série.

O jogo ficou ainda marcado pelos turnovers de Boston e a ineficácia dos Pacers na linha de lance livre e tal como tinham previsto ambos os treinadores, ficou claro que a intensidade e o poder físico vai ser um fator decisivo no jogo.

Foi o primeiro jogo nos playoffs desde 2017 para Kyrie Irving e Gordon Hayward. O primeiro apontou 20 pontos, já o segundo ficou-se pela metade, 10. Nos Boston destacaram-se ainda Marcus Morris (20 pts) e Al Horford com um Double-Double (10 pts, 11 ressaltos).

Do lado dos Pacers Bogdanovic foi o único titular com mais de 10 pontos, apontou 12 e Corey Joseph contribuiu com outros 14. O terceiro período foi o pior da época de Indiana e os 29 pontos marcados nos últimos 24 minutos foram a pontuação mais baixa conseguida pela equipa, numa só parte, desde 2004.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *