Destaques, análise e resultados de 27 de Outubro

Los Angeles Clippers 133 @ 113 Houston Rockets

Sem James Harden, as fragilidades dos Rockets foram expostas neste jogo. Muitas dificuldades da equipa em crias boas oportunidades, não tendo ninguém que assumisse o jogo como precisavam. Os Rockets acabaram o jogo com mais 19 lançamentos que os Clippers e… com menos 20 pontos. Apesar da ausência de peso, muito mérito para a equipa de Los Angeles pela forma como lutam em todas as jogadas, quer ofensivas quer defensivas.

Destacou-se principalmente, na equipa visitante, Montrezl Harrel, ex-jogador dos Rockets, com 30 pontos e 6 ressaltos. Lou Williams também fez um excelente jogo com 23 pontos, aliado às sólidas exibições de Tobias Harris, Danilo Gallinari e Avery Bradley.

Do lado dos Rockets, o maior pontuador foi mesmo Carmelo Anthony, com 24.

Brooklyn Nets 115 @ 117 New Orleans Pelicans

Um jogo com um bom espetáculo e com um final a combinar. A luta revelou-se logo no 1º período, onde ambas equipas marcaram 30 ou mais pontos. Já no 2º período os Nets dispararam, indo a intervalo com 9 pontos de vantagem. As sólidas exibições de LeVert, que está em grande forma esta época, D’Angelo Russel e também Shabazz Napier a sair do banco, iam mantendo os Nets na frente. Já do lado dos Pelicans, Jrue Holiday foi a grande figura do jogo , tendo assumido perante um Anthony Davis com dificuldades em finalizar.

Os Nets tentavam aguentar a vantagem e foi nos últimos segundos que esta lhes fugiu por entre os dedos. Em apenas 10 segundos os Nets conseguiram transformar uma vantagem de 1 ponto com posse de bola numa turnover, num game-winner de Holiday e, ainda depois disto, uma falta tećnica e ainda outra turnover para fechar o jogo.

Tudo começou com uma abordagem algo corajosa por parte da equipa visitada. Em vez de fazerem o expectável, a falta e obrigar os Nets a ir à linha, acabaram por fazer uma pressão campo inteiro que acabou por resultar num mau passe de Russel. Daqui resultou isto:

Os Pelicans estavam assim em vantagem de 1 ponto com apenas 3 segundos para jogar. Mas o mar de azar dos Nets não ficaria por aqui:

Falta técnica para o experiente Ed Davis, Pelicans aumentam a vantagem para 2 pontos e sobram apenas 2 segundos para os Nets. Com o escasso tempo, acabaram por perder a bola e a vitória vai mesmo para a equipa de New Orleans.

Washington Wizards 112 @ 116 Sacramento Kings

Também Kings, visitado pelos Wizards, foram contribuir para o péssimo início de época destes últimos. Apesar de John Wall ter subido no rendimento, mesmo assim os Wizards não se conseguiram separar dos maus resultados.

Os Wizards até começaram bem o jogo. Foram para intervalo com uma vantagem de 6 pontos, vantagem esta que se menteve até ao 4º período. Mas aqui é que o rendimento começou a cair, principalmente do lado defensivo. Deixaram-se se sofrer 37 pontos no último período da partida e, consequentemente, deixaram a vitória fugir.

Dos vitoriosos destaca-se a grande exibição do ex-MVP da Euroliga: Nemanja Bjelica. O sérvio marcou 26 pontos e 12 ressaltos, incluindo 6 triplos. Também Buddy Hield, Cauley-Stein e De’Aaron Fox deram continuidade ao seu excelente início de época.

Golden State Warriors 128 @ 100 New York Knicks

Grande exibição dos Knicks e grande vitória frente ao maior candidato ao título da presente época e uma das mais talentosas equipas da história da NBA… Isto se o jogo tivesse apenas três períodos.

Apesar de pesada derrota por 28, é difícil de acreditar que a equipa da casa entrou mesmo a ganhar para o 4º período. Mas, como já nos habituaram na época passada, os Warriors ligam o turbo no final do jogo e a sua avalanche ofensiva deixa poucas hipóteses de resistência. Aqui marcaram 47 (!!!) pontos na reta final da partida, sofrendo apenas 16.

Destaque para Kevin Durant que acabou com 41 pontos, 9 ressaltos, 5 assistências e 70 FG%. Também Curry foi fiel ao seu próprio talento e acabou com 29 pontos.

Do lado dos Nova Iorquinos, maiores destaques foram Tim Hardaway Jr, que tem feito um belo início de época, e o francês Frank Ntilikina.

Dallas Mavericks 107 @ 116 Toronto Raptors

Os Raptors continuam o seu fenomenal início de época, agora frente aos Dallas, no Canadá.  Exibição sólida de ambas as equipas mas a qualidade indiscutível da equipa da casa veio ao de cima

Destaques para as duplas Kawhi-Leonard e Doncic-Jordan.

Chicago Bulls 106 @ 135 Charlotte Hornets

Depois de tantas outras lesões, agora foi a vez de também Bobby Portis ficar de fora. Consequentemente, os Hornets ganharam a partida sem grande disputa da equipa visitante, acabando por ser uma vitória tranquila.

Mais uma grande exibição de  Kemba Walker e também Tony Parker. A lenda dos Spurs marcou 18 pontos e 8 assistências a sair do banco.

Milwaukee Bucks 125 @ 95 Minnesota Timberwolves

5 jogos, 5 vitórias para os Bucks. Blowout em casa dos Timberwolves que se mostraram mais uma vez apáticos e pouco inspirados. Péssima exibição de Jimmy Butler e uma medíocre de Towns, dando seguimento à sua má forma dos últimos jogos. Nada a apontar e os Bucks seguem invictos nesta época 2018/19.

Afonso Mendonça

Desde cedo descobriu a sua paixão pela modalidade, começando a jogar basquetebol aos 9 anos para só parar 9 anos depois. Verdade seja dita, nunca foi muito bom. Tenta então agora compensar a sua carreira falhada a meter a bola no cesto ao meter artigos na net. Não é bem a mesma coisa mas promete deixar nas teclas do computador o mesmo empenho que outrora deixou em campo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *